Tratamento da fibromialgia com acupuntura por fórmula: investigação da localização do agulhamento, estimulação da agulha e freqüência de tratamento

Harris RE, Tian X, Williams DA, Tian TX, Cupps TR, Petzke F, Groner KH, Biswas P, Gracely RH, Clauw DJ. Treatment of fibromyalgia with formula acupuncture: investigation of needle placement, needle stimulation, and treatment frequency. J Altern Complement Med. 2005;11:663-71.

Fibromialgia:

Condição caracterizada por dor crônica difusa. A fibromialgia é a segunda desordem reumatológica mais comum. Afeta 2 a 4% da população em países industrializados, com predomínio em mulheres.

Critérios de diagnóstico da Fibromialgia

Histórico de dor crônica em todos os quatro quadrantes do corpo somado ao esqueleto axial. Apresentar alterações de humor (como ansiedade, depressão), alterações de sono, dores viscerais inespecíficas, e outras alterações somáticas.

Objetivos do trabalho

Avaliar a localização do agulhamento, a estimulação do agulhamento, a freqüência do tratamento. Seriam estes fatores importantes na melhora dos sintomas da fibromialgia?

METODOLOGIA

Recrutamento:

de agosto de 2000 a janeiro de 2002; pacientes da área metropolitana de Washington; anúncios em jornais e periódicos locais; selecionados por telefone

Critérios de inclusão:

Diagnóstico de fibromialgia há pelo menos 1 ano; relatar dor generalizada em mais de 50% dos dias; disposição em restringir a introdução de novos medicamentos; disposição em novas modalidades terapêuticas para os sintomas da fibromialgia.

Critérios de exclusão:

1 – conhecimento suficiente de técnicas de acupuntura que impedissem um estudo cego (inclusive acupunturas prévias);

2 – diátese hemorrágica conhecida;

3 – doença auto-imune ou inflamatória;

4 – uso regular diário de analgésicos ou história de uso abusivo da substância;

5 – contra-indicação para o uso de acetaminofeno ou ibuprofeno;

6 – participação em outro experimento terapêutico;

7 – gravidez ou amamentação;

8 – estar recebendo pagamento por incapacidade ou estar envolvido em litígios relacionados com fibromialgia.

Permitiu-se a continuidade dos tratamentos que os pacientes estivessem fazendo, incluindo o uso de antidepressivos.

QUATRO GRUPOS DE TRATAMENTO

  1. local tradicional com estimulação (acupuntura nos pontos contidos nos meridianos da MTC combinados com estimulação manual das agulhas).
  2. local tradicional sem estimulação (acupuntura nos locais tradicionais mas sem nenhuma estimulação das agulhas).
  3. local não tradicional com estimulação (acupuntura com o mesmo número de agulhas aplicadas à mesma profundidade e com o mesmo grau de estimulação manual que o grupo 1, mas as agulhas foram colocadas em locais não considerados efetivos na acupuntura pela MTC).
  4. local não tradicional, sem estimulação.

Pontos: DM 20; IG 11; IG 4; VB 34; E 36; BP 6; F 3; Shen Men auricular

– a localização do agulhamento nos grupos de locais não tradicionais excluiu os meridianos ou pontos de acupuntura.

TRATAMENTO

Fases: 1 vez por semana por 3 semanas; depois, 2 vezes por semana por 3 semanas e 3 vezes por semana por 3 semanas. Total: 18 sessões, com intervalo de descanso de 2 semanas entre cada fase.

Material utilizado: Agulhas estéreis, descartáveis, de aço inoxidável; dimensão 2,54 cm (38 gauge)

Estimulação: manualmente com método de pistonagem com rotação uniforme da agulha (aproximadamente 12 vezes por 180º no sentido horário e anti-horário); as agulhas foram mantidas por 20 minutos; a sensação de De Qi foi evocada no grupo 1.

Os participantes não estavam presentes na clínica de acupuntura ao mesmo tempo; foi solicitado a estes que se abstivessem de procurar informações adicionais sobre acupuntura e de discutir acupuntura com outros participantes durante o tempo de estudo; todos os participantes foram vendados durante o tratamento e nenhuma comunicação verbal foi permitida entre eles e o acupunturista. Após a 3ª sessão de acupuntura foi perguntado aos participantes: qual tipo de procedimento você acha que está recebendo: acupuntura, placebo (simulação) ou não sabe dizer?

RESULTADOS PRESSUPOSTOS

Dor (principal resultado) – Critérios: – escala de 0 a 100 pontos (em aumentos progressivos de 5 pontos); 0: sem dor; 100: pior dor imaginável. Avaliação: respostas clinicamente significativas ao tratamento: redução de 20 pontos ou melhora de 30% da dor inicial.

Em média:

– 85,5% dos que responderam apresentaram ambos os critérios

– 9,8% apresentaram somente o critério de melhora de 30%

– 4,6% apresentaram somente o critério de redução de 20 pontos

Função: a função física foi avaliada com a nota do componente físico, questionário SF 36; esta nota varia de 0 a 100 com maiores notas indicando melhor função; alteração de 7 pontos na nota do componente físico é clinicamente significativa.

Fadiga: a nota da fadiga geral de início foi utilizada para classificar a resposta à fadiga; a nota varia de 4 a 20; maiores notas indicam maior fadiga.

DISCUSSÃO

A fibromialgia é de difícil tratamento. Entre os tratamentos, nenhuma terapêutica específica apresenta resultados que superem outros.

Quando se realizava a simulação de acupuntura, os investigadores, por vezes, colocavam as agulhas em locais não tradicionais utilizando uma técnica chamada de “acupuntura mínima”.

Embora realizada a inserção da agulha, independente da sua localização, pode apresentar uma resposta que é funcionalmente idêntica à apresentada quando utilizados os pontos tradicionais.

Como a dor da fibromialgia é difusa e em locais diversos por todo o corpo, localizações de pontos não tradicionais podem ter funcionado como pontos Ashi. Não foi observada diferença clínica da dor se a agulha era estimulada ou não.

Redução da dor na FM pela acupuntura: Pelo fato de não ser observado diferença tanto para a estimulação como para a localização da agulha neste estudo, pode-se tentar concluir, precipitadamente, que os efeitos da acupuntura ocorrem em grande parte devido ao “efeito placebo”.

Estudos adicionais serão necessários para confirmar ou afastar estes achados.

CONCLUSÕES

Nenhum efeito de dose foi observado nos grupos de tratamento quando analisados separadamente.

Os dados deste estudo fornecem evidências de que os participantes apresentaram melhoras na dor clínica, fadiga e função em decorrência da acupuntura, apesar da eficácia não ter sido relacionada à localização do agulhamento ou estimulação da agulha.

Embora a inserção da agulha levasse a analgesia e melhora em outros sintomas somáticos, a correta localização e estimulação da agulha não foram cruciais.

Novos trabalhos contendo grupos maiores, com menores taxas de desistências devem ser realizados.

Resumido por Waldomiro Grandi Júnior

Compartilhe em suas redes sociais

Especialização em Acupuntura Médica

Reconhecida pelo Colégio Médico Brasileiro de Acupuntura 

Próxima turma em ABRIL de 2021 – INSCRIÇÕES ABERTAS